Nelsinho prestou contas. Mas, cadê o povo e os vereadores ?

AUDIÊNCIA PÚBLICA

Prefeitura tem déficit de R$ 12 milhões no primeiro quadrimestre

 fazenda audiência1fazenda audiência

A Prefeitura de Marília está tendo gasto maior que a arrecadação. O déficit nas contas no primeiro quadrimestre foi de R$ 12.035.346,29. Foram arrecadados ou transferidos no período R$ 128.936.976,47 e gastos R$ 140.972.322,76. Os números foram apresentados pelo secretário municipal da Fazenda, Nelson Virgílio Granciéri, o Nelsinho, durante audiência pública realizada na manhã de quarta-feira (22), na Câmara Municipal. A audiência é um compromisso legal, previsto na Lei de Responsabilidade Fiscal.

Participaram da audiência o secretário municipal de Economia e Planejamento, Adelson Lelis da Silva, e os vereadores Eduardo Gimenes, que presidiu a sessão, Herval Rosa Seabra e Pedro do Gás. Representantes do Observatório da Gestão Pública e imprensa também se fizeram presentes.

Nelsinho explica que o desequilíbrio financeiro decorre de vários fatores, mas o principal é a queda da arrecadação de recursos próprios. Durante o quadrimestre a Prefeitura arrecadou R$ 31.399.579,23, sendo que as maiores arrecadações de tributos são o IPTU – Imposto Predial e Territorial Urbano (R$ 14.214.037,06), ISSQN (Imposto Sobre Serviço de Qualquer Natureza (R$ 8.965.346,76) e ITBI – Imposto Sobre Transmissão de Bens Imóveis (R$ 2.152.713,80).

“Praticamente toda a nossa arrecadação é destinada à cobertura da folha de pagamento dos servidores, que até o mês passado, em valores líquidos, girava em torno de R$ 7,4 milhões, e agora com o reajuste de 7% a partir deste mês sobe para cerca de R$ 8,1 milhões. Assim, somente com a folha de pagamento no quadrimestre – líquida, sem encargos – tivemos um investimento no servidor público de cerca de R$ 29,6 milhões, o que compromete em torno de 94% a nossa arrecadação própria”, sinaliza o secretário.

Nelsinho destaca que a Prefeitura a partir de abril começou a contratar mais funcionários para a manutenção dos serviços públicos. Até agora foram contratados 280 servidores. Atualmente a Administração tem cerca de 5.200 funcionários, sendo a maior empregadora do município.

O secretário comenta que apesar do aperto financeiro, a Prefeitura continuará investindo em prioridades como obras – hoje são 45 em andamento –, e dar continuidade aos mais diversos serviços, “mesmo que a contrapartida da Administração seja maior e onere o Executivo, por entendermos que são investimentos primordiais”.

AVALIAÇÃO

Nelsinho considera positiva a realização da audiência pública, “pois é a oportunidade de a Prefeitura apresentar à sociedade o que vem fazendo como gestora do dinheiro público para a melhoria da qualidade de vida da população”.

Ele questiona setores da imprensa que não buscam informações que são disponibilizadas para consulta e que por vezes passam informações distorcidas à população, causando conflitos na opinião pública.

O secretário comenta ainda que esperava maior participação da comunidade na audiência pública, ampliando o questionamento do uso do dinheiro público e verificando o emprego dos recursos no município.

Foto: Wilson Ruiz

Post a comment or leave a trackback: Trackback URL.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: