Inverno 2011 Marília Shopping

Temperatura baixa para você ficar em alta!

 

Paola Oliveira_inverno1

Com as temperaturas mais baixas, novas tendências em roupas e acessórios, que tornam homens, mulheres e crianças ainda mais elegantes, já invadiram as vitrines do Marília Shopping e trazem peças diferenciadas para a estação mais charmosa do ano.

Protagonizada pela bela atriz Paola Oliveira, a Coleção Outono/Inverno 2011 se inspirou nas tendências mostradas nas passarelas e na diversidade de materiais que chegam para renovar e inovar os guarda-roupas com coleções versáteis para combinar com o estilo de cada um e que prometem deixar os consumidores encantados.

Referência ao apresentar os principais conceitos e tendências de moda para a população da cidade e região, o Marília Shopping conta com  diversas lojas com as melhores marcas e grifes, amplo estacionamento com opção VIP, cinco salas de cinema sendo uma com tecnologia 3D digital, diversificada praça de alimentação, brinquedoteca, livraria e área de entretenimento com boliche e diversões eletrônicas para crianças. Com sua administração totalmente profissionalizada, feita pela AD Shopping, holding de prestação de serviços a shoppings de todo o Brasil, o empreendimento compõe em seu espaço, tudo o que seus visitantes e consumidores precisam para aproveitar intensamente suas horas de lazer.

GUIA DE MODA MARÍLIA SHOPPING

PRINCIPAIS TENDÊNCIAS PARA A NOVA ESTAÇÃO

MODA FEMININA

A tendência Outono/Inverno 2011 é inspirada em grandes cidades como Nova York, filmes e personagens que marcaram a história mundial, principalmente da década de 40.

Jeans: Os primeiros sinais aparecem nas modelagens das calças, que em vez de ultra skinny, têm cada vez mais aparecido em versões mais largas com cintura mais alta, e menos exagerada na transição das pernas para a barra. Outra novidade é a retomada da calça jogging, mais soltinha.

Peças de chiffon, cashmere e mix de estampas florais também aparecem em grande parte das vitrines.

Estilo militar: O militar, que foi amplamente usado na estação passada, não sai de linha, mas, da versão exército com ombros bastante marcados, passa para a versão aeronáutica. As apostas agora são as jaquetas revestidas com peles, especialmente as que imitam ovelhas e raposas.

Preppy: Cardigans, malhas e jaquetas college, mas com um leve toque britânico, seja na escolha do xadrez como estampa, nos cardigans de lã e moletom com decotes mais profundos ou nas pólos femininas que, neste inverno, aparecem justas e alongadas.

Alfaiataria: Presença bastante forte no inverno 2010 fica mais light em 2011, onde as peças mais confortáveis, feitas de tricô e malha ganham espaço.

Feminilidade: Apesar da forte influência masculina, o estilo feminino ainda continua em alta com saias godês, rodadas ou tulipas, estamparias vintage ou poás. Os vestidos aparecem em comprimentos maiores, abaixo ou na altura dos joelhos, e ganha força com aplicação de pedrarias e bordados próximos ao decote além do ressurgimento das silhuetas trapézio, com tecidos armados que também têm seu espaço.

Sensual: Apesar de não terem surgido com tanta força nos últimos desfiles, peças sensuais continuam sendo a preferência nacional. No inverno, elas ganham estampas animais, apliques bordados e um certo ar barroco presente em babados, rendas, tules e veludos molhados e couros.

MODA MASCULINA

O inverno masculino estará mais justo. E curto. Inspiradas na estética dos dândis franceses, as peças têm forte influência da alfaiataria, mas aparecem em modelagens mais sequinhas. Os ternos estão mais ajustados, as calças mais curtas e até mesmo as gravatas mais finas.

Jeans: a modelagem também é mais ajustada a corpo, e os bolsos são baixos e deslocados. Nas lavagens, a aposta é ser clean e dar espaço aos acabamentos resinados, que, dependendo das proporções, deixam o tecido com aquele aspecto de couro. Em menores proporções, aparecem também as calças mais justas nas pernas, e modelos super skinny para os mais modernos.

Moderno: Um modo de se vestir e um estilo musical. Os Moderns (ou Mods) é um “rótulo” atribuído aos jovens ingleses que, no início da década de 60, caracterizavam-se por usarem ternos bem recortados e gostarem de músicas com influências do soul norte-americano. A estética Mod também entra para o guarda-roupa masculino com cardigans de decotes profundos e padronagens nórdicas. Texturas, patchworks e tecidos que valorizam o conforto e aconchego, como tricôs e moletons, vêm com força, principalmente combinados com peças de alfaiataria.

Pop Art: em uma outra corrente, ainda mais jovem, a influência fica por conta da estética dos super-heróis com camisetas ajustadas ao corpo. Na cartela de cores, entram as cores primárias vibrantes e fazem contraposição aos tons neutros de azul marinho, camelo e preto.

MODA INFANTO JUVENIL

Cada vez mais em evidência, a moda infanto juvenil ganha atenção por parte dos criadores de moda que tem desenvolvido tendências e marcando estilo próprio nesses consumidores exigentes que tem opinião formada sobre as peças e escolhem o que querem realmente vestir.

A moda segue a linha de conexão entre natureza e tecnologia. Tomando como referência forte, as influências do estilo folk, encontradas em modelagens amplas e confortáveis, e através da paleta de cores voltada para os tons crus e terrosos, nas nuances de marrom, salmão, cinza, verde musgo, rosa, bege e preto, traz peças mais delicadas sobretudo em blusas e casacos, com detalhes feitos a mão e padronagens étnicas.

A estrela da estação, o tricô, aparece mais trabalhado, com pontos largos, e em produções que chegam até ao maxi-tricô.  Tecidos naturais ganham destaque nessa temporada, principalmente o algodão orgânico, super confortável para os pequenos que surgem em saias de lã, para as garotas, e nos casacos e bermudas feitos de tweed, para dar um toque mais sofisticado aos meninos.

Para calças e macacões, o bom jeans, aparece mais espesso que o normal, acompanhado de elastano, para dar flexibilidade e liberdade de movimentos.

Sobreposições compondo looks com diversas camadas de roupa serão muito vistos para proteger bem as crianças no inverno. Assim como brilhos néon e metálico nas roupas, tornando as cores mais intensas, combinadas a tons vivos – vermelho, rosa, marrom e preto. Junto a estampas gráficas, com desenhos e imagens dos principais personagens atuais do mundo infantil.

ACESSÓRIOS

Assim como acontece com as roupas, os acessórios também se transformam sob a influencia das tendências da moda. Para o inverno vale apostar em braceletes, brincos, anéis e colares, todos em tamanhos grandes com bastante diversidade de materiais como pedras sofisticadas, materiais rústicos, madeiras, pedras brutas e até mesmo as plumas.

As luvas também ganham destaque, com modelos variados, alguns mais sofisticados e outros bem divertidos como modelos em neon. Vale apostar também em diversos modelos de toucas, gorros e cachecóis.

BOLSAS

Este ano a tendência, são as cores mais frias, em tons de bege e caramelo, tamanhos pequenos e médios. Outra forte tendência são as bolsas carteira, bolsa de mão, mochilas, bolsas a tiracolo com apelos joviais e outros modelos tradicionais como a bolsa de couro que nunca sai de moda.

As alças grandes que são enroladas ao punho, ficam super bem. As bolsas nos modelos saco e a pasta escolar estão com tudo nesse inverno, e com elas trazem os tecidos de moletom e estamparia de oncinha.

Juntamente com as bolsas não poderiam faltar os aplicativos de diversos tipos e materiais como os de metais, fivelas de diversos tamanhos, broches, rebites, tricô, penduricalhos, lenços amarrados na alça da bolsa, tachas, e as perolas e paetês aplicados em materiais como o couro liso, vinil, veludo, cetim entre outros materiais.

SAPATOS FEMININOS

As estampas animais fazem sucesso entre as mulheres, tanto nas roupas como nos acessórios. Agora elas foram parar nos pés, deixando as botas, sapatilhas e ankle boots ainda mais estilosas. Destaque para a estampa de oncinha.

A tendência militar também será vista por aí em botas e ankle boots em verde musgo, marrom, estampa camuflada, com muitas amarrações, fivelas e tachas. Os modelos mais pesados, como os coturnos, são ideais para compor um look mais despojado e também vão reinar nessa estação.

Entra temporada, sai temporada, as botas estão sempre entre os calçados preferidos da mulherada e a dica é investir no modelo de bota de montaria com cano alto e salto baixo ou na bota de cowboy, que pode ser de cano baixo ou alto.

O sapato Oxford continua com força total. Prova disso é que o calçado inspirado no modelo masculino foi mostrado em versões bem coloridas, com estampas, metalizados, com ou sem verniz e até com saltos médios ou altos.

Sinônimo de conforto, as sapatilhas não poderiam ficar de fora das tendências. Bem coloridas, lisas ou estampadas, bicolores ou com aplicações, elas continuarão sendo as queridinhas das mulheres que dispensam o salto alto.

E nas cores, seja em couro, camurça ou pelica, o que será visto nos pés femininos é uma explosão de cores fortes. Tons de rosa, roxo, vermelho, turquesa, azul royal e verde esquentam a temporada.

SAPATOS MASCULINOS

Os modelos sofrem pequenas variações, mas a aparência como um todo se preocupa muito mais com a elegância, do que com descontração e rebeldia.

Os já conhecidos sapatos arredondados recuperam seu espaço, nas clássicas tonalidades de cinza, caramelo e preto. 

Outra influência do militarismo com botas no estilo coturno de cano bem ajustado ao tornozelo, e feita de couro nobre e espesso. Outras botas de cano médio aparecem, em camurça ocre e materiais sintéticos, no estilo desbravador – ideal para a prática de esportes. As mais requintadas podem ser usadas no dia-a-dia e até em ocasiões formais durante o alto inverno, já que são de cano longo, justas e geralmente envernizado. 

Os sapatos que prometem ser a febre da estação entre os homens mais antenados com a moda, são aqueles muito estreitos e de bico bem fino. Eles têm quase o formato de um triângulo, alongam a silhueta masculina e emprestam muito charme aos homens modernos. Esse modelo é o que mais abrange variedade de cores e estilos: branco liso, marrom com tiras, pretos envernizados, metalizados, entre outras tantas nuances de opções.

Os tênis obedecem a duas tendências principais: modelos requintados de sapatênis e para os mais esportivos, cano médio com volume acentuado e em cores mais destoantes. São através desses últimos modelos, que os toques divertidos podem ser encontrados na estação, construídos em solado baixo e com detalhes de cores diferentes do próprio corpo do tênis. Para homens mais jovens e ousados, as peças em cores néon prometem chamar a atenção de quem passar.

Imprensa Assessoria em Comunicação

Post a comment or leave a trackback: Trackback URL.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: